A Fertilizare nasceu com a proposta de ser um centro de referência em medicina reprodutiva na região Sul Fluminense. Conta com equipe qualificada e tecnologia de última geração para oferecer um leque completo de opções para o tratamento da infertilidade.

(24) 99246-4951

atendimento@fertilizare.com.br
Shopping 33 Torre VI - Rua 41, 392, Salas 1201 a 1204 - Vila Santa Cecília, Volta Redonda

Novidades no Blog

Seg. a - Sex. 09h - 18h

Sáb. e Dom. - FECHADO

(24) 99246-4951

WhatsApp

preservação da fertilidade Tag

Fertilidade no “freezer”: congelamento de óvulos se populariza

Como e por que o congelamento de óvulos virou tendência entre mulheres nascidas a partir da década de 1980. Spoiler: o principal motivo tem a ver com a falta de parceiros para colocar o projeto da maternidade em prática.Era apenas uma consulta de rotina, mas a economista Débora Santos voltou para casa repensando a própria vida. A saúde estava ótima. Tanto que o ginecologista sugeriu que a paciente, então solteira...

Princípios gerais da Reprodução Assistida

Atualmente, não existem leis federais específicas voltadas para a Reprodução Assistida. Assim, a Resolução 2.168/2017 do Conselho Federal de Medicina é a norma que determina as regras dos procedimentos em questão. Os princípios expostos na resolução sobre Reprodução Assistida têm a função de balizar estes procedimentos.Reprodução Assistida e OncologiaÉ interessante perceber que as técnicas de RA também são indicadas para pacientes oncológicos. Nestes casos, a finalidade é manutenção da fertilidade,...

Exames de reserva ovariana e as alternativas para a gravidez tardia

A idade é um fator preponderante para a fertilidade, especialmente a feminina. Estimativas apontam que o pico da fertilidade da mulher acontece por volta dos 25 anos e que, a partir dos 35, a quantidade de óvulos presentes no ovário tende a diminuir de maneira mais acelerada. Por isso, é fundamental que as mulheres conheçam seu potencial reprodutivo por meio de exames preventivos capazes de detectar a reserva ovariana.“Os testes...

×
× Fale conosco pelo Whatsapp